Será que rolou o pix? Internautas sugerem que novo vídeo do homem que humilhou servidores em Icoaraci seja comprado. Veja!

No ultimo sábado, 22, passou a circular na redes o vídeo em que trabalhadores da limpeza urbana apontam o comportamento de um homem que grita com os servidores. As imagens começam no meio da discussão. Em um trecho do vídeo ele diz “vai limpar lixo”; “eu tenho nível superior rapá, não vou varrer rua não, vai carregar lixo” e repete em tom de zombaria “pode tirar ali, bora, tudinho, mais alí”.

Ainda no sábado, vendo a proporção que as imagens tomaram, Fabricio publicou o vídeo que filmou e que foi onde se inicia a confusão. Identificado como Fabricio Modesto, o bolsonarista e que tem Ensino Superior, morador de Icoaraci, distrito de Belém, o homem publicou as imagens negando que tenha humilhados os trabalhadores.

Já ontem, domingo (30), em novas imagens gravadas por ele e divulgadas nas redes sociais, Fabrício cumprimenta os servidores, e os apresenta como “os meus amigos coletores de resíduos sólidos” , pergunta o nome dos rapazes e em seguida pergunta se em algum momento, eles foram maltratados por Fabrício. Os servidores dizem que não.

Fabrício Modesto e “seus amigos”

Após a divulgação deste vídeo na página Belém Trânsito, muitos internautas sugeriram que os servidores em questão tenham sido pagos para dar seus depoimentos. “Nem o nome dos amigos ele sabe, esqueceu de perguntar antes de fazer o vídeo” – disse uma internauta, já outro colocou “Pegaram o pix”. Inúmeros comentários criticaram a postura do bolsonarista em tentar “limpar” a sua imagem a qualquer custo.

Para ver o vídeo, clique no link abaixo:

https://fb.watch/aTFoL518mN/

Muitos aguardam as cenas dos próximos capítulos dessa triste novela.

Por Belém Trânsito e Ponto de pauta

Deixe uma resposta