“Tá Selado”: programa de participação popular inicia segunda fase na próxima semana

As demandas apresentadas e discutidas farão parte do Plano Plurianual (PPA 2022-2025), na Lei Orçamentária Anual (LOA 2022).

O programa de participação popular “Tá Selado”, promovido pela Prefeitura de Belém, vai chegar à segunda etapa a partir da próxima segunda-feira, 19, com transmissão ao vivo pelo YouTube, por meio do canal da prefeitura.

Os delegados dos bairros, escolhidos durante a primeira fase, se reunirão até quinta-feira, 22 de julho, para as plenárias distritais, onde serão debatidas as quase 240 propostas apresentadas durante as plenárias realizadas nos 78 bairros, entre os meses de maio e junho deste ano.

“A segunda fase vai reunir delegados eleitos para tratar dos detalhes do Plano Plurianual para os próximos quatro anos. Assim estamos avançando com um documento muito robusto, discutido amplamente e com muita legitimidade com a população de Belém”, explica o titular da Secretaria Municipal de Coordenação Geral de Planejamento e Gestão (Segep), Cláudio Puty.

As demandas apresentadas e discutidas farão parte do Plano Plurianual (PPA 2022-2025), na Lei Orçamentária Anual (LOA 2022). E, em longo prazo, do plano “Belém 2035, 200 anos da revolução cabana”. Esse processo deve ocorrer até o dia 29, com a “Plenária Geral”, onde também será realizada a eleição de conselheiros e conselheiras, os quais farão parte do Conselho da Cidade. O Conselho discutirá as prioridades do PPA para os próximos quatros anos de gestão.

“A partir de agosto e setembro, nós faremos outras tarefas, que são as do orçamento de 2022, assim vamos governando com forte participação popular”, ressalta Cláudio Puty.

Saneamento, saúde, educação, meio ambiente e acessibilidade são as áreas mais demandadas

O programa “Tá Selado” reuniu mais de 25 mil pessoas na primeira fase em plenárias presenciais e on-line realizadas nos oito distritos administrativos de Belém.

O objetivo é compartilhar e debater os problemas da cidade de forma conjunta, definindo as prioridades, assim como ocorreu nos anos da gestão municipal do prefeito Edmilson Rodrigues (1997-2000 e 2000-2004), com o “Congresso das Cidades” e o “Orçamento Participativo”.

A plataforma contabilizou, até o dia 12 de julho deste ano, 234 propostas e 793 em números de votos nas propostas. Entre as principais temas discutidos e propostos nas plenárias dos bairros estão saneamento, saúde, educação, meio ambiente e acessibilidade.

Além das plenárias gerais, o programa debateu temas por segmentos, como cultura, idosos, mobilidade, inclusão, religiosidade, moradia, inclusive, sobre o serviço público, onde reuniu cerca de dois mil servidores.

Serviço – A segunda fase do “Tá Selado” inicia na próxima segunda-feira, 19, a partir das 18h, com transmissão ao vivo pelo canal do YouTube da Prefeitura de Belém.

Por Victor Miranda – Agência Belém

Deixe uma resposta