Prefeito Edmilson discute criação de Edital para fomentar a cultura popular em Belém

O encontro resultou na criação de um edital para promover e fomentar coletivos e artistas da cultura popular.

A Prefeitura Municipal de Belém (PMB) se comprometeu estudar a criação de um edital para promover e fomentar coletivos e artistas individuais que desenvolvem cultura popular. Este foi um dos resultados da reunião entre o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, os representantes de fazedores de cultura popular da capital, que também discutiram sobre projetos voltados aos profissionais da área. O encontro ocorreu na sexta-feira, 11, no auditório Alcyr Machado, na sede da Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel). 

“É de fundamental importância reunir com os produtores de cultura, artistas e produtores de eventos porque essas pessoas, particularmente, os que fazem cultura popular, são a verdadeira política cultural”, destacou o prefeito Edmilson Rodrigues.

O gestor municipal também apontou a importância da reunião para articular, entre outras coisas, a reorganização da Lei Valmir Bispo, que trata sobre políticas de cultura para a cidade. “Nós pegamos uma estrutura desativada, uma Fumbel e um sistema totalmente desestruturado de cultura, se quer com um conselho representativo existe. Então, essa reunião foi importante para definir uma rearticulação, uma reorganização”, enfatizou. 

A Fumbel tem coordenado a participação popular da cultura e democratizado o debate sobre o uso dos recursos públicos para o setor. O presidente da fundação, Michel Pinho, também coordenou o debate, com a participação do deputado federal e coordenador do Fórum da Amazônia e vice-presidente da Comissão de Cultura, Airton Faleiro,  e de um representante do senador Paulo Rocha. 

“Para nós é muito importante porque essa bandeira que estamos levantando aqui não é só desse movimento é de todos os coletivos culturais”, destacou Moacir Santos, fazedor de cultura popular.  

Texto/Imagem: Agência Belém

Deixe uma resposta