Câmara aprova convocação de Guedes para explicar conta milionária em paraíso fiscal; seis deputados do Pará votaram contra

As denúncias contra Guedes apontam que ele pode ter lucrado R$ 14 milhões com a valorização do dólar, somente durante o seu mandato à frente da pasta. Seis deputados do Pará foram contra a convocação.

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (6), por ampla maioria, convocação do ministro da Economia, Paulo Guedes, para que ele explique ao plenário da Casa as revelações de que possui conta offshore milionária em paraíso fiscal. Foram 310 a favor e 142 contrários.

Segundo revelação feita na série Pandora Papers, investigação conduzida pelo Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ), o ministro da Economia possui movimentações financeiras através de offshore nas Ilhas Virgens Britânicas, paraíso fiscal no Caribe. Offshore é o termo usado para se referir empresas e contas bancárias abertas em territórios onde há menor tributação.

As denúncias contra Guedes apontam que ele pode ter lucrado R$ 14 milhões com a valorização do dólar, somente durante o seu mandato à frente da pasta. A Lei de Conflito de Interesses proíbe esse tipo de comportamento. Se o ministro fez investimentos internacionais por meio de sua empresa enquanto já estava no cargo, cometeu crime.

Guedes já havia tido convocação aprovada para se explicar à Comissão de Assuntos Econômicos do Senado e à Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da própria Câmara. A expectativa é que os presidentes dessas comissões abram mão da oitiva do ministro para que ele seja ouvido apenas pelo plenário.

Bancada do Pará

SIM PELA CONVOCAÇÃO
Beto Faro (PT-PA) – SIM
Airton Faleiro (PT-PA) – SIM
Cássio Andrade (PSB-PA) – SIM
Vivi Reis (PSOL-PA) – SIM
Júnior Ferrari (PSD-PA) – SIM
Vavá Martins (Republicanos-PA) – SIM
Elcione Barbalho (MDB-PA) – SIM
Cristiano Vale (PL-PA) – SIM
Nilson Pinto (PSDB-PA) – SIM
Eduardo Costa (PTB-PA) – SIM

NÃO PELA CONVOCAÇÃO
Deleg. Éder Mauro (PSD-PA) – NÃO
Celso Sabino (PSDB-PA) – NÃO
Olival Marques (DEM-PA) – NÃO
Hélio Leite (DEM-PA) – NÃO
Joaquim Passarinho (PSD-PA) – NÃO
Paulo Bengtson (PTB-PA) – NÃO

AUSENTE
José Priante (MDB-PA)

Com informações da Revista Fórum

Deixe uma resposta