Marinor Brito cobra medidas de combate à violência contra população LGBTQIA+ no Pará

Por Ju Abe

A Deputada Estadual Marinor Brito (PSOL) apresentou nesta sexta-feira (18), uma Moção endereçada ao governador Helder Barbalho, cobrando medidas de combate à violência contra a população LGBTQIA+ do Pará.

Tal medida vem num momento em que há um contínuo crescimento de crimes de ódio e preconceito contra estes grupos.

No ano passado, a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (SEGUP), divulgou dados que acusavam um crescimento alarmante de crimes contra estas minorias.

Segundo a SEGUP, o ano de 2021 registrou mais que o dobro dos casos de violência contra a população LGBTQIA+, em relação a 2020.

Esta triste estatística segue o ritmo do Brasil que carrega o vergonhoso título de país que mais mata pessoas trans e travestis, no mundo.

Em 2019, o STF determinou a criminalização de crimes de homofobia e transfobia, com base na Lei do Racismo. Entretanto, devido os retrocessos do governo Bolsonaro, o Brasil não tem avançado na erradicação destas violências.

“A vida não espera, por isso apresentei Moção ao governador , cobrando medidas para o combate ao aumento da violência contra mulheres e a população LGBTQIA+ no Pará. É preciso garantir o direito à vida e o nosso mandato está comprometido com esta luta” disse Marinor , em suas redes sociais.

 

 

Deixe uma resposta