Belém amplia ações de arborização e atinge número recorde de plantio de mudas

Em dois anos de gestão do prefeito Edmilson Rodrigues, Belém avança na política de arborização da capital paraense (Fotos: Ascom/Semma/ PMB)

Em dois anos de gestão a Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Belém (Semma), intensificou a política de arborização da capital paraense. Ao longo desse período, o órgão promoveu diversas atividades para conscientizar a população sobre a importância da preservação ambiental e do reflorestamento.

Uma das grandes conquistas alcançadas pela Semma foi o aumento significativo no plantio de mudas na cidade. Em 2021, foram plantadas 547 espécies arbóreas, entre mangueiras e outras adaptadas à região. Já neste ano, o número de árvores plantadas na capital paraense foi quase cinco vezes maior que o registrado no ano anterior. De janeiro a novembro deste ano, foram plantadas 2.933 mudas de arbóreas e arbustos.

Granja Modelo – O aumento na arborização do município é resultado da recuperação da Granja Modelo, que durante anos ficou abandonada pelo poder público e agora está recebendo, novamente, investimentos da Prefeitura de Belém. O espaço voltou a produzir mudas para o abastecimento da arborização da capital paraense.

Depois de anos abandonada pelo poder público, a Granja Model voltou a produzir mudas para o abastecimento da arborização da capital paraense.

As ações de arborização e paisagismo foram intensificadas ao longo do mês de setembro de 2022, durante a operação “Setembro Verde”, que teve como principal objetivo priorizar a arborização das áreas periféricas da capital paraense, em especial na área do igarapé São Joaquim, espaço que tem recebido diversas obras de recuperação.

Outro destaque da Semma, ao longo desses dois anos de gestão, foi a reativação do Departamento de Educação Ambiental do órgão, considerado um marco importante no sentido de levar informação e orientação à população sobre a importância da conservação das áreas verdes do município, assim como a nova utilidade atribuída ao Horto Municipal, que se tornou um importante espaço de debates e eventos ambientais.

Bosque Rodrigues Alves – O Bosque Rodrigues Alves foi reaberto após passar por obras de revitalização das calçadas, muros, grades e iluminação externa, assim como a recuperação do restaurante, que dará lugar a uma praça de alimentação; e a reforma do Lago da Sereia.

Ao longo de 2021, o Jardim Zoobotânico da Amazônia ganhou novos espaços como um Jardim Sensorial, que vai promover experiências de contato com a natureza para pessoas com deficiência visual, assim como o Epifitário, que é o espaço destinado à exposição de toda a vegetação suspensa do Bosque, como o acervo de orquídeas. A fonte do “Memorial dos Intendentes”, reativada após quatro anos sem funcionar, também recebeu reparos físicos e paisagísticos e se tornou um importante marco durante o ano.

A reabertura do parque foi realizada em outubro deste ano, no Dia das Crianças. O evento foi marcado por uma programação especial, onde os pequeninos tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a fauna e flora do Bosque Rodrigues Alves. Ao longo deste ano, o espaço também realizou uma campanha de conscientização sobre a alimentação dos macacos do Bosque Rodrigues Alves, a fim de mostrar à população que circula pelo entorno do espaço sobre os riscos de alimentar esses animais.

Além disso, o Bosque Rodrigues Alves recebeu o lançamento do projeto “Maloca Indígena”, que tem como objetivo valorizar e difundir a cultura dos povos indígenas que vivem na capital paraense. No local, os visitantes têm a oportunidade de conhecer um pouco sobre a cultura dos povos originários, além de comprar artesanatos indígenas, garantindo a subsistência desses povos na cidade.

Cuidado com o meio ambiente – O cuidado com o meio ambiente é uma prioridade para a Semma, que iniciou o ano de 2022 atuando no paisagismo e na manutenção de áreas verdes em diversos pontos da capital paraense como praças, escolas e canteiros. Um exemplo disso é o Portal da Amazônia que, em janeiro deste ano, recebeu o plantio de 53 mudas de diversas espécies.

O primeiro semestre de 2022 contou também com programações repletas de debates e encontros que discutiram os desafios da gestão ambiental na Região Metropolitana de Belém. Entre elas, o “I Encontro dos Secretários de Meio Ambiente da Grande Belém”, que teve como objetivo fornecer subsídios técnicos e políticos para fortalecer a gestão ambiental integrada dos municípios que compõem a Região Metropolitana de Belém (RMB), assim como a articulação das ações das secretarias de meio ambiente da RMB, com o intuito de melhorar a qualidade ambiental e de vida da população.

O distrito de Outeiro também recebeu uma série de ações de paisagismo, recuperação de áreas verdes, plantio de árvores, além de distribuição de mudas. As atividades fizeram parte da programação em comemoração aos 129 anos da ilha de Caratateua.
A Semma também intensificou suas atividades durante o mês de junho, que corresponde ao mês alusivo ao Meio Ambiente.

Ao longo do mês, foram realizadas diversas ações como a entrega da rua Quinta Linha, no bairro do Tenoné. A via recebeu paisagismo e a plantação de cem mudas de várias espécies e foi incluída no projeto “Calçadas Verdes”, com arborização adequada ao planejamento das vias de Belém.

O mês de junho também foi marcado por ecofeiras, atividades de educação ambiental, mutirão socioambiental no distrito de Mosqueiro e o bike passeio. Para fechar a programação do mês alusivo ao Meio Ambiente, a Semma realizou o “Seminário Belém Sustentável: Participação Popular e Agenda 2030”, com a finalidade de fomentar iniciativas para a conscientização da preservação do meio ambiente e adotar práticas sustentáveis na capital paraense.

Operação Verão – O mês das férias levou milhares de turistas para as principais praias de Belém como Mosqueiro, Outeiro e Cotijuba. Pensando nisso, o órgão municipal de Meio Ambiente intensificou as ações de fiscalização com atividades de vistoria e orientação sobre licenciamento dos empreendimentos potencialmente degradadores do meio ambiente, de acordo com as legislações ambientais vigentes. As atividades da Operação Verão foram realizadas pelas equipes dos departamentos de Controle Ambiental e de Monitoramento e Fiscalização da Semma.

Operação Setembro Verde – A arborização é essencial para a saúde e bem-estar dos residentes da cidade, pois auxilia diretamente na redução da poluição. Para comemorar o mês do Dia da Árvore, a Semma intensificou o plantio de mudas em diversos pontos da cidade. Ao longo do mês, foram plantadas 1.718 mudas de arbóreas e arbustos, atingindo uma marca inédita realizada pela secretaria nos últimos anos.

O aumento significativo da arborização ao longo do mês de setembro é resultado do esforço das equipes da Semma, que atuaram diariamente para tornar a nossa cidade cada vez mais verde e agradável para a população. Entre os locais que receberam o plantio da operação “Setembro Verde” estão o Canal São Joaquim, Avenida Perimetral, Praça Amazonas, Praça da República, Portal da Amazônia, Avenida Brigadeiro Protásio, Avenida Nazaré, entre outros espaços como praças, logradouros e escolas municipais.

Educação Ambiental – Uma das prioridades da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Belém é desenvolver na população a consciência dos problemas ambientais e estimulá-las a buscar soluções para esses problemas. A Coordenação de Educação Ambiental e Desenvolvimento Comunitário da Semma tem atuado com diversas ações a fim de conscientizar os moradores da cidade sobre os cuidados com o meio ambiente, por meio de eventos, oficinas educacionais para adultos e crianças, ecofeiras com disposição de produtos da economia circular, solidária e bioeconomia, além de mutirões socioambientais realizados em diversos pontos da cidade ao longo do ano.

Outra atividade realizada pela Semma que ganhou destaque ao longo do ano foram as ações com foco no risco aviário, que corresponde aos riscos das aves colidirem com aviões que decolam diariamente do aeroporto. Como forma de combater e evitar esse tipo de acidente, a Semma iniciou uma campanha com a temática, ensinando a população a destinar de forma adequada o lixo descartado no dia a dia.

Texto: Paloma Lobato, via Agência Belém 

Deixe uma resposta